Um Guia Completo Com os 10 Principais Elementos Que Não Podem Faltar Em um Post de Blog Profissional.

 

Hey Hey Hey.

Então, você criou um blog e até conhece um jeito de fazê-lo em 10 minutos né? (Saiba mais aqui.)

Mas, você sabe mesmo como e o que escrever para o seu blog?

(Pense bem. Não é uma resposta tão simples assim).

Eu acreditaria se você me dissesse que é um bom escritor.

Porém, o que quero saber é: você saberia escrever um post épico e memorável?

Aquele capaz de mudar a vida do leitor. E fazê-lo recordar mesmo depois de anos.

Conheceria os melhores títulos e como eles podem trazer (ou expulsar) visitantes para seu site?

E de escrever um início tão cativante que prenderá atenção do leitor até a última palavra?

Conseguiria persuadi-lo a tomar uma decisão no final desse post?

Você conhece tudo isso?

Posto dessa forma, parece um trabalho para mestres da literatura. Não é?

Muito pelo contrário!

Posso te contar um segredo?

como escrever um post em 10 passosEscrever um post para blog pode ser extremamente fácil, se você souber a técnica certa.

É uma regra tão simples, que compilamos para você em uma fórmula. Um passo a passo.

Reunimos abaixo, os 10 elementos que não devem faltar em um post. Essas são as melhores técnicas de copywriting, encontradas nos mais avançados treinamentos de escritores do mercado mundial.

E vamos entregar a você de graça, nesse artigo.

Após essa leitura, você conhecerá TUDO o que precisa para escrever MUITOS textos de blog. Serão posts com uma estrutura lógica; irão comunicar, cativar, envolver, impressionar e amarrar o seu leitor.

E o melhor de tudo: poderá aproveitar esse conteúdo, mesmo que nunca tenha escrito para a internet antes.

Mal pode esperar para aprender como escrever um post em 10 simples passos?

Já te conto…

 

Como Escrever Um Post Épico, Em 10 Passos.

 

Passo 1 – Descubra as Necessidades do Seu Público

Você Vai Conhecer Um Segredo Que os Profissionais de Marketing de HOLLYWOOD entendem muito bem.

entendo o seu públicoVocê começou um blog e até já escolheu um nicho. E vem a primeira dúvida: você conhece os leitores ou consumidores desse nicho?

Quem eles são? Que idade tem? Quais são seus objetivos?

Não sabe?

Uh, vou te dar uma dica. Você consegue cativar mais leitores quando consegue oferecer aquilo que eles acham que querem ler.

Muitos blogueiros começam a escrever sem se dar conta de quem será o público que lerá seu conteúdo.

E é aí que está o problema.

Antes de você começar a escrever, é necessário ter um entendimento bem claro de quem será seu público alvo.

Seu conteúdo é mais apreciado por adolescentes, adultos ou idosos?

Que objetivos essas pessoas têm?

Eles preferem mais texto ou mais imagem?

Qual a melhor linguagem para se comunicar com eles?

Saber isso será importante para entender como as palavras que você escolhe afeta esses leitores.

Veja nos itens abaixo, alguns benefícios por se conhecer o público alvo de seus posts.

 

Quais os Benefícios de Entender Seu Público?

Entendendo Suas Necessidades

descobrindo necessidades do público alvoPor exemplo, se seus leitores querem começar seus próprios negócios digitais, talvez um post sobre “Como Fazer o Seu Blog Em Menos de 10 minutos” (ver mais aqui), seja mais interessante do que um conteúdo mais técnico.

Um blog sobre tratamento de pele, por exemplo, poderia ter um público com problema de acne.

Imagine quantos fãs o criador desse blog poderia conseguir se escrevesse um post dirigido a tratar espinhas e cravos?

Se ele conseguisse falar das dores desses leitores, demonstrasse em suas palavras que entende o estigma social que essas pessoas sentem – comentando sobre a dificuldade de sair na rua com a cara toda vermelha – com certeza conquistaria fãs interessados no conteúdo que escreverá depois.

E nos produtos que indicará.

Falando A Língua dos Seus Leitores

Um blog sobre finanças talvez necessite de uma linguagem mais formal – principalmente se você identificasse que seu público tem entre 27 a 40 anos.

Ao mesmo tempo que um post sobre moda para jovens, precisará de linguagem bem informal, com muitas gírias até.

Esse é outro benefício que você consegue por estudar seus futuros leitores. Eles sentirão que você escreve seu conteúdo pensando neles.


O Que Hollywood Pode Ensinar Sobre Entender Seu Público?


Para você entender o funcionamento desse estudo de público, vamos estudar os fenômenos hollywoodianos voltados para adolescentes ou jovens adultos.

O público que mais consome cinema e produtos relacionados.

Você sabe o que os mega-sucessos Harry Potter, Crepúsculo e Jogos Vorazes tem em comum?

Os atores principais tem entre 15 e 25 anos. Sabe por quê?

 Jennifer Lawrence atendendo expectativas dos fãs

Porque os produtores de cinema entendem que atores com essa faixa etária no papel principal, se comunicam melhor com o público que mais consome: os jovens que também tem entre 15 a 25 anos.

Os adolescentes se identificam melhor com os problemas de outros adolescentes. E Hollywood entrega o que eles querem, falando sua linguagem. Se comunicando com eles.

Essa fórmula vende tão bem que hoje, até mesmos os filmes de ação, são estrelados por atores jovens adultos.

Lembra-se como eram nos anos 80? Filmes de ação somente com adultos brucutus do sexo masculino. Adolescentes tinham que estrelar em comédia ou aventura.

E agora, até o Sylvester Stalone se rendeu a essa fórmula: contratando jovens nos seus filmes mais novos.

 

Esse tipo de percepção é o que irá separar o post do SEU blog, de um post genérico, em um site genérico, para um público genérico.

Ah, você não quer um público genérico, né? Você quer leitores reais no seu site? Que interagem, compram os produtos que você oferece e compartilham seus posts?

Então, vai ter se aprofundar no tópico abaixo.

É sério… Até Hollywood usou essa técnica.

 

Baixe Aqui o Check List dos 10 Passos!

Que tal ter um PDF com o check list passo a passo de tudo que está neste post? Nunca mais você vai esquecer como se escreve um Post Épico. Aproveita e baixa agora, é Grátis!

Técnica Para Conhecer os Seus Leitores: Pesquisa Demográfica

 

PesquisaUm ponto inicial para compreender o leitor do seu blog é procurar por informações sobre o público que consome o tipo de conteúdo que você quer produzir.

Primeiro é importante saber para qual NICHO (informática, moda, tecnologia, games, livros, marketing, turismo etc) está escrevendo.

Depois deve ter informações sobre quais pessoas se interessam por esse tipo de conteúdo. Se eles forem jovens, escreva de forma descontraída; se estiverem no Ensino Superior, talvez seus textos tenham que ser mais aprofundados entregando o máximo de informação possível.

E se o sonho da maioria do seu público é ter um negócio próprio, ofereça-lhes ferramentas para que esse sonho se torne real.

quadro

Para facilitar a sua pesquisa demográfica, separamos nesse box, as 5 perguntas importantes para conhecer quem os seus leitores.

  1. Qual o sexo das pessoas que irão ler seus posts?
  2. Quais as idades mínimas e máximas dos leitores desse tipo de post?
  3. Qual o nível de escolaridade médio desses leitores?
  4. Como e de qual jeito seu post poderá ajudar esse público?
  5. Como seu texto pode ser adaptador para falar com esses leitores? Quais expressões eles usam no dia a dia? Seu texto deve ser formal ou descontraído?
 

Usando o Facebook Para Fazer a Pesquisa

Você pode usar as mídias sociais para fazer essa etapa de preparação.

Observe quais e quantos amigos compartilham o mesmo tipo de conteúdo que você espera trabalhar em seu blog.

Anote o máximo de informações possíveis sobre esses amigos e quando escrever, “emule” um tipo de texto que você sabe que irá agradar essa base de leitores.

Se você não entendeu como essas informações funcionam na prática, não se preocupe.

Mais à frente, na Técnica da Bússola, darei um exemplo.

Então, não perca seu foco. Não fique sem norte.

É sério Indiana Jones… Se quer se aventurar, precisará MESMO de uma bússola.

 

Passo 2 – Técnica da Bússola: Defina Seu Foco

É Terrível Quando Você Precisa Escrever e Tem Tanto a Falar, Que Se Perde né?… Saiba Como Resolver isso Nessa Seção!

tecnica da bussolaOu: antes de mais nada, estabeleça um tópico. Um assunto principal (guia) que irá trabalhar no post.

É normal em seus primeiros posts querer oferecer tudo o que você sabe em uma única postagem. Ou então, começar escrevendo sobre um tema e abrir parágrafos para falar de vários outros assuntos.

E o resultado disso é: seu leitor se perde, desiste de ler o post e possivelmente vai embora para nunca mais voltar.

Veja no quadro abaixo, uma técnica bastante útil para não tirar o foco do público.

 

A Técnica da Bússola ensina que:

  • Defina um assunto principal para seu post;
  • Comece por um assunto bem comum do seu nicho;
  • Escreva em um papel, um “título falso” para esse post;
  • Deixe esse papel colado na tela do seu computador, para que nunca perca o NORTE.

 

 Que tal um exemplo de como isso funciona?

Mario_(NSMBU)Então, vamos explicar isso com um personagem. O nosso amigo encanador.

Mario tem 30 anos de experiência como encanador. Ele está começando a ficar preocupado porque está difícil arranjar novos clientes e deseja posicionar-se como uma autoridade no mundo digital.

Por atender exclusivamente industrias, não será um problema ensinar pessoas a concertar torneiras e vazamentos. Então, decide criar um blog.

Nosso amigo entrou no Para o Alto e Avante e descobriu nossa Técnica da Bússola e entendeu que aplicá-la será a melhor maneira de compartilhar com o mundo esses 10 anos de experiência, sem se perder.

Por “Defina um assunto principal para seu post” e “Comece por algo bem corriqueiro para o nicho do blog”, Mario compreendeu que deve escrever sobre uma coisa comum no seu dia a dia:

“Consertar torneiras vazando”

Em “Escreva em um papel, um ‘título’ para esse post”, por isso, nosso amigo encanador optou por esses 2 possíveis títulos:

  1. Melhores Ferramentas Para Concertar Torneiras Vazando.
  2. Possíveis Causas dos Vazamentos em Torneiras.

E colocando essas anotações à frente do seu teclado, escreverá um post completo ensinando sua audiência a resolver um problema comum na maioria das residências.

Ele já sabe que seus leitores são homens com entre 20 a 30 anos, que não tem muita prática com ferramentas manuais. Então escolherá uma forma bem didática de transmitir seu conteúdo: escrevendo um passo a passo, com várias fotos ilustrativas.

Note que os “títulos” anotados em papel dessa forma ainda não os títulos do post.

 

Psiu, deixa te contar um segredinho

Nós vamos te ensinar como criar títulos memoráveis e capazes de trazer centenas de leitores para seu site. É ainda nesse nesse artigo viu? 😉

Essas frases escritas na “bússola”, servem apenas para você não perder o foco (seu norte) no momento de escrever.

Enquanto escreve, você poderá abrir vários parágrafos para tratar de outros temas no mesmo post. Mas não esqueça de dar uma conclusão a esse novo tema em no máximo 2 parágrafos.

Depois volte a escrever sobre o assunto de sua bússola.

Se ainda assim, não sabe sobre o que escrever, escolhi uma ferramenta gratuita para você no tópico abaixo.

 

Como Usar o Google Para Planejar Seu Conteúdo (Clique Aqui Para Saber)

“Mas Pedro, ainda não sei sobre o que escrever”.

Se essa for sua realidade, não se preocupe.

Que atire a primeira pedra o blogueiro ou escritor que sempre soube exatamente sobre o que escrever.

Na verdade, se todos soubéssemos essa questão, estaríamos vendendo mais livros do que o Paulo Coelho.

Felizmente, para quem quer escrever no mundo digital, existe uma solução oferecida gratuitamente por uma ferramenta do Google.

 

Usando Google Keyword Planner…

How-to-use-Googles-kewords-plannerO Google Keyword Planner é uma ferramenta online disponível nesse link aqui.

Você vai precisar de um cadastro no Adwords, mas não se preocupe. Isso não significa que você terá que investir em Links Patrocinados. Pode preencher o cadastro normalmente apenas para ter acesso a essa ferramenta.

Com o Planejador de Palavras-Chaves você pode obter ideias sobre posts para escrever para o seu blog.

Como?

Basta escrever uma palavra relaciona a um tema do seu nicho e clicar em “Obter Ideias”, ele traz informações importantes para você.

Por exemplo: veja o que Mario encontrou quando escreveu “torneira” no buscador do Keyword.

Na imagem acima, preste atenção nas seguintes colunas:

Média de Pesquisas Mensais: É uma média de vezes em que pessoas pesquisaram por essa palavra-chave.

Note como 15 mil pessoas pesquisam por “Torneira Filtro” e apenas 890 por “Temporizador”. Sendo assim, atrairá mais público escrever reviews sobre filtros para torneira, por exemplo.

Lance Sugerido: É uma média de valores que os anunciantes pagam ao Google por essa palavra. Quando tiver AdSense no seu site (mais detalhes aqui), terá uma métrica de quanto pode ganhar por clique nos seus anúncios.

O ideal é começar escrevendo sobre os temas com mais “Pesquisas Mensais” para seu site tornar-se conhecido logo. E quando conseguir parceria com AdSense, passe a postar sobre assuntos que representam números altos de “Pesquisas Mensais” e “Lance Sugerido”.

Legal né? E você obteve todas essas ideias apenas escrevendo uma palavra relacionada ao seu nicho. Imagine quando escrever outras.

 

Muito bem. Agora você já sabe comunicar-se com seus futuros leitores é só começar a escrever o post, certo?

Na trave!

Para marcar esse gol, você terá que estudar a jogada do volante a seguir.

 

Passo 3 – A Técnica do Volante (Escreva Uma Introdução Cativante)

Tudo termina bem, quando começa bem. Seus posts sempre serão lidos, não importa o tamanho dele, se você ler essa etapa…

bola-na-rede-2

 

Não dizem no futebol que um bom volante estará sempre próximo do gol, auxiliando os atacantes e meio-campistas a levar a bola até a grande área?

Lembra-se daqueles golaços que fizeram você pular da cadeira?

Sim, aqueles em que a jogada começou bonita desde o meio do campo, chegou no ataque e entrou para dentro do gol.

Tenho certeza que a maioria delas começou por uma jogada feita pelo volante. São jogadas que começam com muito drible e jogo de pernas, desviam a bola do adversário e prendem o torcedor no banco, querendo saber qual será o final.

Perceba como o expectador passa por uma sincope nesse momento: ele fica paralisado esperando até que atacante e goleiro estejam cara a cara.

Bola é chutada em direção do gol.

E dependendo do resultado, pode-se ouvir daí um grito de GOOOOL ou um triste UUUUHH, com as mãos na cabeça.

Você quer que seu post disputa em igualdade com a Netflix, Facebook ou o YouTube pela atenção do leitor?

Então você precisa dedicar um tempo apenas para escrever a introdução (intro).

É normal querer começar o post atirando palavras no Word.

Só que em algum momento você terá de colocar gatilhos mentais para que seu leitor deseje manter o foco no seu post e seguir até o final. O ideal é que faça isso no começo.

Se você promete resoluções para o problema do leitor no começo, mas guarda essas informações para detalhar ao longo do post, ele terá a mesma sensação de quando a bola cai nos pés de um bom jogador: terá que paralisar olhando o lance, sem falar, sem tomar cerveja ou comer pipoca. Até que saia o gol…

Para você marcar sempre esse golaço com as jogadas certas, separamos abaixo os 3 itens que não podem faltar em uma boa introdução.

Eu não tiraria os olhos desse lance se fosse você.

 

Como Escrever Uma Intro Cativante Para Seu Post

Jogada 1 – Capture a Atenção Logo


SW_Alexis+Arnold

Existem muitos meios de capturar a atenção. Você pode começar oferecendo dados numéricos, históricos ou narrar uma anedota. Fazendo o leitor sentir um “link” emocional com algumas palavras (“Nossa! Que interessante. Quero ler mais”).

Pode começar também, contando uma piada relacionada (ou não) ao tópico discutido. (“Hehe... Que engraçado. Deixa eu ler mais”).

Ou chocando o leitor com alguma coisa muito estranha (“Que maluco! Preciso saber mais”).

O método da metáfora é um dos meus preferidos. Veja como comecei essa parte do artigo falando sobre futebol. Um assunto que talvez não tenha muito a ver com escrever posts. Talvez...

 

Jogada 2 – Apresente a Razão da Existência desse Post

Seu artigo deve ter um propósito bem claro. Você sabe qual é?

Ao escrever a introdução do post, deixe transparecer logo que possível para que servirá o seu post. Se possível, apresente na introdução um problema e porque é importante resolvê-lo. A famosa técnica “Céu e Inferno”.

 Vale lembrar: só porque você já sabe o propósito do seu post, não significa que o leitor também saiba.

Ele pode descobrir no final do texto, ok, mas é seu trabalho validar o motivo da existência do seu post logo. Do contrário, o leitor pode perder o motivo para continuar lendo.

Você vai entender mais sobre isso na jogada abaixo. 😉

 

Jogada 3 – Dê Uma “Prova” Do Que Será o Post.

 SW_AlexisArnold6“Legal, esse texto fala sobre coisas que realmente quero saber”, dirá seu leitor após entender o propósito do post.

Então imagine algo que poderia satisfazer esse envolvimento e dê a ele.

Eu fiz isso nesse artigo quando listei os assuntos que você vai aprender comigo; em seguida coloquei um gatilho mental de facilidade. Veja:

“você saberia escrever AQUELE post? Aquele que muda a vida do leitor.

Conheceria os melhores títulos e como eles podem trazer (ou expulsar) visitantes para seu site?

E de escrever um início tão cativante que prenderá atenção do leitor até a última palavra?

Conseguiria persuadi-lo a tomar uma decisão no final desse post?

Você conhece tudo isso?

Parece um trabalho para mestres. Somente escritores extremamente persuasivos conseguiriam um resultado desses. Não é?

Não! Posso te contar um segredo?

Escrever um post para blog pode ser extremamente fácil, se você tiver a técnica certa.”

 

Introdução ponta, você precisa ter noção de onde quer escrever cada palavra do seu post.

E de quais ferramentas tem à disposição para melhor poder informar ao público.

Quanto mais organização tiver seu post, mais memorável será.

Por isso, não se esqueça de ler o próximo passo…

 

Passo 4 – Pesquisa, Organização: Como Estruturar Um Post

Você não está pensando em fazer seu post só com palavras né? Nãaaao faça isso. Entenda porque aqui.

Ainda antes de escrever, você precisa ter em mente como será estrutura e organização da informação apresentada nas suas palavras.

Os posts mais memoráveis que li, estão na minha cabeça até hoje porque seus autores souberam organizar o conteúdo e apresentá-lo de maneira única.

 

Pesquisa

8969238685_14dd418b01_cÀs vezes, um único post pode trazer uma enorme quantidade de informação, tanto para quem lê, quanto para quem escreve.

Quando for escrever sobre um assunto que entende, mas não domina totalmente, poderá sentir-se intimidado pela quantidade de informação que lhe falta para ter excelência (a pesquisa).

Porém, o importante de tudo é: não ficar intimidado.

Veja esse post do Para o Alto e Avante que você está lendo agora. Sabe quantas palavras tem nele?

Mais de 6 mil.

Só que nós dividimos muito bem essas 6 mil palavras em cada um dos 10 títulos, subtítulos e box para que a informação chegue a você com maior facilidade. Assim terá maior aprendizado com nosso conteúdo.

Claro que boa parte do material aqui vem dos melhores treinamentos de blog post disponível no mercado mundial. Entretanto, fomos buscar informações em tantos materiais que tivemos que fazer várias pausas para pesquisar.

Então, para facilitar minha escrita e pesquisa, planejei quais seriam os assuntos debatidos ANTES de começar a atirar letras no teclado.

 

Organização

unnamedEsqueça a ideia do post corrido: apenas o texto jogado na tela como se fosse o capítulo inteiro de um livro.

Posts para a internet precisam ter quebras constantes de texto.

É por esse motivo que nenhum parágrafo deve ter mais do que quatro linhas. E você deve usar vários títulos e subtítulos para separar seu texto.

Existe também uma série de outros recursos que tornarão seu post ainda mais dinâmico.

Veja na caixa abaixo, alguns dos recursos que você poderá utilizar no post para tornar a leitura mais dinâmica.

Recursos Que Você Pode Usar No Post

  • Seções
  • Listas
  • Tópicos
  • Caixas de Textos
  • Subtítulos
  • Infográficos
  • Imagens

Lembre-se também que o ideal é escolher uma imagem para ilustrar cada um dos títulos no seu post.

No momento de escrever um post vale brincar com elementos não textuais para transferir informação.

Como já nos ensinou Confúcio: “Uma imagem vale mais do que mil palavras.”

Então, se você conhece uma imagem que pode substituir mil palavras. Faça essa troca sem medo.

Mas Pedro, você já falou de vários truques para preparar o post. Falar sobre a escrever que é bom nada né?

Pois é. Então seu desejo é uma ordem… Abaixo, no próximo tópico!

Baixe Aqui o Check List dos 10 Passos!

Que tal ter um PDF com o check list passo a passo de tudo que está neste post? Nunca mais você vai esquecer como se escreve um Post Épico. Aproveita e baixa agora, é Grátis!

Passo 5 – Hora de Escrever!

Só Aqui, você vai aprender a escrever post, com o Rei dos Escritores. Ele mesmo, Stephen King.

unnamed (1)

O próximo passo, mas não o último, é o corpo do conteúdo: o texto.

Se cumpriu as quatro etapas anteriores, agora o conteúdo está fresquinho em sua cabeça.

Você sabe cada passo que dará e poderá usar todas as informações levantadas até agora (dados demográficos, organização das seções, tópico…) para direcionar seu artigo de maneira que a informação melhor chegue até seu leitor.

Nesse momento, apenas escreva. Não se preocupe com correções, erros ortográficos ou com as construções de suas frases.

Não pense. Escreva!

Deixe suas ideias fluírem para o papel e faça isso imediatamente para que você não perca nenhuma delas. Mas nunca se esqueça de usar a Técnica da Bússola que te ensinamos lá no passo 2. (Lembra?)

Assim nunca perderá o foco do que está escrevendo.

 

Depois de Escrever, Reescreva Tudo De novo!

Escrever é Reescrever
— Stephen King

Aproveite esse momento em que está mentalmente programado para escrever e escreva. Somente assim sua produção irá fluir.

Terminado o surto psicótico de escrever, deixe o texto de lado por um dia. Vá fazer outras atividades e então volte para revisar. Você perceberá que aparecerão muitas ideias que se esqueceu de pôr no post.

Anote essas ideias como te ensinei com a Técnica da Bússola. Para inseri-las no post mais tarde.

Depois, sabe o que você tem que fazer? “Revisar Ortografia? ”

stephen-king

Também… Porém, mais do que isso. Você vai reescrever o post inteiro!

Fique tranquilo. Não estou louco não.

Somente quando você reescreve um post é que encontra a melhor forma de apresentar suas ideias para os leitores, descobre as melhores palavras e os lugares para adicionar aquelas ideias que foram deixadas de fora no primeiro DRAFT (rascunho).

Fazendo isso, você também descobre um dos maiores segredos a escrita.

Escrever bem é falar mais, com poucas palavras.

Então, não se esqueça: primeiro escreve com emoção, depois com a razão.

 

E por falar em emoção.

Você deve estar sentindo uma vontade louca de publicar o post que ensinamos a escrever, não?

Mas espera lá… Não acha que está se esquecendo de algo?

Ah, não vou falar o que é antes do próximo tópico.

 

Passo 6 – Defina as Principais Imagens do Seu Post

Descubra porque uma imagem vale mais do mil palavras.

 

photo-1438212852830-ae13426f3f9cRepita comigo a seguinte oração: “Nem só com palavras criará um post”.

A edição é um processão muito importante na hora de “blogar”. Não a ignore!

Hoje em dia, praticamente não se imagina mais conteúdo para internet sem apoio visual de belas imagens ou fotos. Tanto no Facebook, quanto no Blog.

Imagens, layout, edição. Pense na forma que seu post tem que ter.

Ela precisa ser harmoniosa e bonita, do contrário o layout do seu post irá expulsar o leitor muito mais rápido do que se você tivesse escrito uma introdução tosca.

Lembre-se: quanto mais profissional seu conteúdo parecer, maiores suas chances de fazer sucesso. Seja um profissional desde o seu primeiro texto.

 

Imagem Destacada

Existe uma função no WordPress chamada de “Imagem Destacada” (Featured Image) que serve para definir uma imagem para representar seu post nas redes sociais ou na Home Page do site.

277682_messi-gol-barcelona-10

Você tem que estar sempre ciente de que escolheu a boa imagem, uma capaz de “vender” o seu post quando combinada ao título.

A técnica para escolher imagem é semelhante a escolher de escolher um(a) noiva ou noivo. “Não basta ter beleza, tem que ter conteúdo”.

Claro que não escolherá boas imagens apenas para colocar em destaque. Uma dica bem útil é escolher uma boa imagem para cada subtítulo do seu artigo.

O quê? Não sabe como escolher uma boa imagem?

É normal. Fique tranquilo. Não há problema nenhum nisso.

No box a seguir, vamos te ensinar dois truques excelentes para escolher imagens para o seu post.

 

Como Escolher Uma Imagem (2 Excelentes Sites Para Baixar Fotos de Graça):

Não é só porque uma imagem está Google Images que pode ser usada em um post.

Para evitar problemas judiciais, tenha certeza da procedência da imagem. Se é uma foto, saiba se esse profissional permite uso sem pagar os direitos.

E é um erro pensar que desenhos podem ser usados para ilustrar qualquer conteúdo. Muitas vezes quando você baixa uma ilustração, está fazendo uso do trabalho que está no portfólio de um desenhista. E nem está pagando a ele por isso.

Então. Muito cuidado nessa hora.

Para facilitar a sua vida separei dois sites onde você poderá encontrar boas imagens e de graça:

  1. O primeiro é o Creative Commons que oferece imagens livres para uso por qualquer pessoa e em qualquer tipo de publicação (digital ou não);

 

  1. O segundo site chama-se Unsplash, um projeto sem fins lucrativos em que a cada 10 dias, um grupo de fotógrafos divulgam 10 fotos de trabalho, com direitos livres para uso. É nele que você vai descobrir como uma imagem pode valer mais do que mil palavras.

 

Se você gostou da dica desses sites de imagens, não perde por esperar um outro post que estamos preparando para você 😉

 

Passo 8 – Insira Uma Chamada A Ação, no Final

O maior triunfo do escritor é fazer pensar aqueles que podem pensar.
— Eugene Delacroix

 

follow_me-980125Essa frase do escritor Eugene Delacroix é muito oportuna.

Você sabe o que acontece depois que o leitor interage com um bom artigo?

Ele pára de fazer qualquer coisa para ter alguns segundos de reflexão.

É um momento muitíssimo breve. Você precisa ser rápido porque é nesse momento que pode pedir-lhe para tome uma decisão!

Pode ser uma coisinha simples como inscrever-se numa lista de e-mail. Ou mesmo compartilhar seu conteúdo nas redes sociais. Vale tudo: até mesmo pedir para deixar sua opinião nos comentários.

E como se faz isso? Escrevendo, após as últimas palavras do artigo, uma Call To Action (CTA). Ou uma “Chamada à Ação”: um parágrafo extra que você deve adicionar ao post, convidando o leitor a tomar uma ação.

Como, por exemplo, o que vou fazer agora.

Você quer saber como escrever uma Chamada à Ação?

Então vai ter que ler o box a seguir.

 

Como Escrever Uma CTA?

Você irá basicamente fazer um pedido para que “se o leitor gostou do post” ele “pode” “curtir, compartilhar nas redes sociais ou enviar para outro amigo que também irá gostar”.

Outra forma de fazer a CTA é pedindo para que o leitor continue o assunto do post, postando nos comentários as suas opiniões e PRINCIPALMENTE, suas dúvidas sobre o tópico debatido. Você terá a chance de poder conversar mais com o leitor, criando interatividade.

Se você tiver um produto (ou infoproduto), é nesse momento que pode oferecê-lo. Se o leitor se envolveu positivamente com você, é muito provável que queira saber mais sobre o que você tem a vender.

 

Exemplo de CTA:

Você sabia que esse post é apenas 1 décimo do conteúdo do curso Método 10X? Com ele você poderá criar um negócio digital do zero com um blog. Vai conhecer 10 formas de monetizar esse site e conquistar sua independência financeira superando a crise econômica. Sem ter horários. Vivendo apenas do seu conteúdo.

Conheça mais sobre esse treinamento revolucionário na internet brasileira, clicando nesse banner.

 

modelo4

 

Percebeu no exemplo acima como oferecer ao leitor um produto através de um post. Esse tipo de abordagem é conhecida como “win-win”. Pois ganha quem vende o produto através do post e também ganha quem comprou e pode aprender mais um assunto de seu interesse.

 

Agora que estamos finalizando seu artigo, falta definir o SEO dele para que melhor possa ranquear no Google. Todo bom post é otimizado e o seu não será exceção.

Você vai saber mais sobre isso em 3,2,1…

 

Passo 8 – Otimize Seu Post Para SEO

Você quer que centenas de leitores cheguem ao seu post, certo? Então, vai aproveitar 4 dicas essenciais de SEO.

Search Engine Optimization (SEO) significa otimização para mecanismos de buscas.

6e609595

Todos os profissionais que vivem do seu blog, conhecem muito bem essas técnicas. Ou contratam empresas para administrar essa etapa.

Você também quer ser um profissional certo? E ainda não quer contratar uma empresa para administrar o SEO do seu site né?

É por isso que vamos ensinar as 4 técnicas fundamentais para aplicar no seu post e ter um melhor posicionamento dentro dos mecanismos de buscas. Essas técnicas são apenas para quando estiver escrevendo o post. Existem muitas outras para garantir um bom SEO, mas falaremos sobre elas em outra oportunidade tá?

Preparado?

 

SEO Post Master: As 4 Técnicas Fundamentais

Técnica 1 - Defina suas Tags

photo-1416339276121-ba1dfa199912São palavras-chaves que podem descrever o seu post rapidamente. Elas facilitam a leitura de quem está apenas “sobrevoado” por seu post – baixando a barra de rolagem, sem ler.

As tags são uma maneira rápida de resumir os assuntos abordados no post, além de oferecer melhor posicionamento para o seu post no Google e no widget de Busca em seu próprio site.

Pense nas tags como tópicos ou categorias e escolha de 10 a 20 palavras-chaves para resumir o seu post. Escreva-as.

No WordPress, existe um campo específico para você preencher as tags.

Exemplo: pegando o exemplo do nosso amigo encanador. As tags de seu post “Como Concertar Torneiras Vazando”, poderia ser: #concertar torneiras #torneiras vazando #torneiras #ferramentas para torneira vazando #vazamento

O importante aqui é oferecer uma ou outra palavra-chave que possa “catalogar” e resumir o seu post.

 

Técnica 2 - Destaque Títulos e Subtítulos

Lembre-se também de destacar os títulos do seu post como parte especial do seu texto.

Para fazê-lo basta selecionar a frase que separou para ser um subtítulo e marcar o Cabeçalho 2 (ou Headline 2, H2).

Para demais subtítulos dentro do primeiro, você pode usar Cabeçalho 3 (H3) ou até Cabeçalho 4 (H4).

Fazendo isso, você estará notificando ao Google que tais frases são mais importantes no post. E merecem destaque no ranqueamento.

 

Técnica 3 - Escreva Uma Meta Description

Meta Descrição (ou Meta Description) é uma frase descritiva anexada ao Google. Elas oferecem aos buscadores uma ideia do que irão aprender ao lerem o seu post sem precisar clicá-lo.

Sabendo mais informações sobre seu post. Terão muito mais chances de clicar nele.

Uma dica exclusiva sobre Meta é: o ideal é que uma Meta Description tenha de 150 a 160 caracteres (um pouco maior do que um tweet não é mesmo?).

Outra regrinha bem legal para você: comece sempre uma Meta escrevendo um verbo do tipo “Aprenda”, “Leia” ou “Descubra” e depois acrescente uma descrição do seu conteúdo.

little_anchor_m90566

 

Técnica 4 - Revise os Anchor Text

Anchor text é uma palavra (ou conjunto delas) em que você colocará um link para outra página ou post do seu ou de outros sites.

Revise todas as vezes que você disse ter oferecido um link e veja se há mesmo um link lá. Para criar um link, basta selecionar um conjunto de palavras e escolher a opção “inserir/editar link”.

Lembre-se sempre de que: Se você tem mais artigos sobre um conteúdo debatido no seu post, ofereça link para que o leitor possa rapidamente ler outros artigos seus.

 

Passo 9 – Crie Um Título Chamativo e Compulsivo

Ou: Como o Walter White Vai Te Ajudar A Conquistar Seus Leitores.

Você está quase chegando no final desse power post com mais de 6 mil palavras.

Realmente, leu muita coisa até aqui. Mas, você ainda se lembra de uma promessa que te fiz lá no “Passo 2 – Escolha Um Foco”. Se sim, merece ganhar um prêmio.

Recorda-se que eu disse que te ensinaria uma fórmula infalível para escrever títulos para seus posts?

Não só isso: serão títulos chamativos e compulsivos. Ou seja, impossíveis de serem ignorados.

Então, por último, mas não menos importante. Trabalhe um título para seu post.

Como você aprende na escola, o título deve sempre uma das últimas coisas do seu artigo. Pois somente depois ter noção de todo o conteúdo que escreveu poderá nomeá-lo.

Se você tiver dúvida nessa etapa e precisar de um guia, não tem problema.

Você conta com uma fórmula para se inspirar logo abaixo.

Um receita que obtive com que mais entende de fórmulas.

breaking-bad

Walter White.

Preparei abaixo a Fórmula Breaking Bad Para Criação de Títulos de Post.

Isso mesmo. Porque assim como o seriado, essas fórmulas são cativantes e impossíveis de serem ignoradas.

Tá certo, as fórmulas do Mr. White serviam para fazer produtos ilícitos. Eram os de maior qualidade no mercado, porém ilícitos (não fazemos apologia ao uso).

Quer conhecer nossas fórmulas?

“Yes. Science, Mr. White!”

 

6 Fórmulas de Criação de Títulos Breaking Bad

Você já reparou como “Breaking Bad” é um título excelente para uma série de TV? Principalmente para um programa em que o personagem principal vai acabar com um código de conduto próprio; e ao mesmo tempo, consquistar milhões de expectadores pelo mundo.

Para criar título de qualidade Walter White, você pode usar as fórmulas de criação de títulos apresentadas abaixo.

breaking-bad-ricin-divulgacao

Fórmula 1 – Lista: Coisas Fáceis de Fazer e Que Produzem Resultados Excelentes (Fórmula Jesse Pinkman)

Ingredientes: para essa fórmula você vai precisar de:

1 Número = 10, 5, 7, etc.

1 Prova de Facilidade = Simples Passos, Técnicas Fáceis

1 Pessoa = Para Você (sempre comunique-se com o leitor no singular ok?)

1 Verbo = Conquistar, Escrever, Conseguir, Obter, Encontrar etc

1 Benefício Ligado ao Verbo = Um Post Cativante, Impressionante e Memorável

Exemplo de uso: 10 Simples Passos Para Você Escrever Um Post Cativante, Impressionante e Memorável

 

Fórmula 2 – O Guia Completo Para Obter Um Resultado (Fórmula Skyler White)

Ingredientes:

Artigo o + A Palavra Guia = O Guia

1 Adjetivo Poderoso = Completo, Definitivo, Absoluto, etc.

1 Assunto do post = descrever o tema a que se destina seu post.

Exemplo de uso: O Guia Definitivo Para Escrever Posts de Blog.

 

Fórmula 3 – Apresente o Tema Primeiro, Explique Depois (Fórmula Hank Shraeder)

Ingredientes:

O Tema do Artigo

1 Sinal de pontuação ( = ou – ou  : )

1 Explicação ou resumo do que o post é

Exemplo de uso: Posts de Blog – 10 Simples Fórmulas Para Escrevê-los.

Nota: Você pode usar algumas regras da fórmula 1 ou das demais para escrever essa explicação sobre o post.

 

Fórmula 4 – Crie Um Mistério. Um Segredo. Prometa a Revelação. (Fórmula Walter White)

Ingredientes:

1 palavra misteriosa = A Verdade Que Ninguém Quer Contar, Os Segredo Que Ninguém Fala, O Mistério, A Verdade Que Pessoa X Sabe, etc.

1 tema evolvendo o assunto do seu post.

Exemplo de uso: O Segredo Que Só os Blogueiros Profissionais Sabem Sobre Escrever Posts de Blogs.

 

Fórmula 5 – Como Se Faz isso? (Fórmula Walter White Júnior)

Ingredientes:

1 palavra específica = Como

1 conjunto de palavras relacionada ao tema do post

1 benefício oferecido por seu post

Exemplo de uso: Como Escrever Para Blogs, 10 Técnicas Simples Que Você Deve Aprender.

 

Fórmula 6 – Aproveite-se Das Referências

Use Frases de Filmes e Livros nos Seus Títulos ( Fórmula Sall Goodman)

Exemplo de uso: “Nem Só Com Textos Criarás Um Post”.

 

Mas título não é tudo.

Depois dele, tem mais uma coisinha que você tem que aprender.

Please, follow me.

 

Passo 10 – Escreva Uma Headline Explicativa e Atraente

Entenda Como um Resumo do Seu Post pode Atrair Mais Seguidores.

img782A Headline é basicamente uma linha-de-apoio que você pode escrever entre o título e a introdução do seu texto.

Deve ser uma frase simples, que resume todo o post que acabou de escrever e convide seu leitor para consumir seu conteúdo.

O motivo da headline aparecer no final dessas dicas é óbvio.

Você não deve se preocupar com ela até terminar de escrever o post.

Como explicamos ali no título, vale mais a pena deixar para depois.

 

Entendendo a Função da Headline

Quando o leitor olha para uma divulgação do seu post no Facebook ou mesmo no Google, as primeiras coisas que vê são: fotos, título e a primeira linha do que está escrito no post.

Ao invés de oferecer a ele um pedaço do texto (que é o que acontece se você não criar a headline) dê-lhe uma frase capaz de resumir o seu post, facilitando o acesso dele ao seu conteúdo.

Por exemplo, a headline desse post é: “Um Guia Completo Com os 10 Principais Elementos Que Não Podem Faltar Nos Seus Post.”

Lembre-se também do que falei no passo 8: A headline tem que ser destacada com cabeçalho 2 (headtag 2).

Dúvidas?

Então, está convidado a escrevê-las nos comentários. Diga o que mais você gostaria de saber para tornar-se um blogueiro profissional e te prometo que vamos responder.

Não se esqueça de curtir e compartilhar nosso conteúdo no Facebook.

Até mais e sucesso!

Previous post

Como Fazer o Seu Site em Menos de 10 Minutos

Next post

Supercast 05 - A Sala de Aula de Inglês Mais Divertida da Internet

Vagner Abreu

Vagner Abreu

Vagner Abreu ajuda empresas a contar suas histórias desde 2010.
Trabalha com marketing de conteúdo e Storytelling, focando principalmente na redação de artigos e edição de podcast. Já trabalhou para jornal impresso e com assessoria de imprensa, mas sua verdadeira paixão é a liberdade que o formato web oferece.

6 Comments

  1. 03/08/2015 at 11:07 AM

    ooooow. muito conteúdo nesse post

  2. Ellen
    01/09/2015 at 1:55 PM

    Excelente conteúdo, obrigado pelas dicas!

  3. Gustavo Quadros
    09/09/2015 at 3:03 PM

    Parabéns pelo conteúdo Pedro, agora estará salvo nos meus favoritos para consultar antes de escrever um Post.
    Abraço

  4. Rafael Aguiar
    23/11/2015 at 8:00 PM

    Pedro, parabéns pelo artigo. Excelente conteúdo e de fato muito útil.
    Sou aluno do método 10x e admiro muito seu trabalho.
    Gostaria que me tirasse uma dúvida, se possível. Como faço para inserir esses BOX nos meus artigos?
    Com certeza são ótimas “quebras de texto”, evitam que o texto se torne cansativo.
    Pretendo usá-los em minhas postagens. Pode me ajudar?
    Grande abraço.

  5. Rafael Aguiar
    23/11/2015 at 8:05 PM

    Pedro, outra dúvida amadora.
    Agora quando às dicas de SEO apresentadas no artigo. Quando coloco as Tags no worpress de forma a informar ao google que são palavras chaves do meu texto, preciso colocar a hashtah “#” antes?

  6. vagnerdabreu
    07/12/2015 at 3:10 PM

    Olá Rafael

    Sou Vagner, integrante da equipe do site e estou aqui para te ajudar.
    Vamos as suas dúvidas? Você não precisa colocar as # antes dos nomes das Tags no seu conteúdo de WordPress. Outros sites, como o Soundcloud, exigem isso, mas no WordPress não 🙂